Páginas

Follow by Email

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Tenho vírus na pen!!!

Tenho vírus na pen, como resolver?

Existem duas ou três formas de resolver o problema, porém a partir do momento que transportamos a pen do trabalho para casa, quase de certeza que o PC ou Laptot vai ficar de alguma forma afectado.

Existem algumas ferramentas online que podem resolver momentaneamente o problema, porém se o malaware tiver ficado residente, aí o sarilho está instalado.

Uma das formas utilizadas pelo pessoal que utiliza os sistemas linux (ou com uma distribuição Live CD) é abrir a pen nesse sistema e apagar por completo todos os ficheiros suspeitos, esvaziar a ./trash, apagar o lixo do sistema, e reiniciar no Windows.

Aí, ir ao Executar ou procurar nos Acessórios o Terminal do Windows (janela DOS), mudar o disco, e verificar se estão os documentos visíveis ou não, se não estiverem, utilizar o comando do Attrib do DOS:

attrib -r -s -h /s /d *.*

e esperar que ele reponha todos os ficheiros e directórios visíveis.

Se tem receio de utilizar uma distribuição Live CD do Linux (Ubuntu, Mint, Lubuntu, Xubuntu ou outra), então poderá utilizar a seguinte fórmula:

Fazer o Download do Panda Cloud Cleaner, instalar e corre-lo, após desinfectar o malaware eliminando-o, reiniciar o pc. Abrir o Terminal do DOS mudar o disco D: E: F: consoante o que «O meu computador» do Windows apresentar, e realizar o comando:

attrib -r -s -h /s /d *.*

apagar os ficheros com extensão lnk e vbe

del /s/ /f /p *.lnk

del *.vbe

dir | more

e irá mostrar todos os ficheiros  e directórios presentes. Em princípio não deverá ter ficado eliminado.

Por precaução, e dado que «esta praga», replica-se somente na raiz da pen, se utilizarmos um directório e passarmos as pastas e documentos todas lá para dentro, teremos a vida facilitada, caso a pen fique infectada outra vez. Tanto o ficheiro iTunesHelper.vbe, os atalhos.lnk e os AUTORUN.INF e autorun.inf ficam na raiz da pen.

Espero que esta dica ajude a limpar as pens.