Páginas

Follow by Email

quinta-feira, 7 de junho de 2007

Eh, pá tanto estardalhaço por causa do écrã

Eu reinstalei o Ubuntu de raíz, mas não é coisa que o faça, pois que como o meu leitor/gravador de DVD's até chia que se farta, não costumo ter por hábito andar a fazer reinstgalações dos SO's, se bem que tenha reinstalado o sistema todo, devido a ter resolvido experimentar o UbuntuStudio, mas como não tinha informção pertinente no disco, uma instalação de início demora-me menos tempo, do que ter que andar à cata das alterações que tenho que fazer.
Se fosse agora, garanto uma coisa, tinha mesmo que ser à unha ou à pata ou à mão, como quiserem dizer, pois que a informação que cá tenho, já não a posso deitar para o lixo sem mais nem menos. Porém como não tinha cá nada, e andava em experiências, optei por uma configuração nova.

Quanto ao monitor Philips, este já foi descontinuado, e se bem que eu arranje todo e qualquer manual na net, pelo Google, estive numa de preguiça. A minha mulher queria ver um filme, e é mais rápido fazer o que fiz, do que andar à procura do manual do bicho. Aliás o meu colega também já não tinha manual, e trata-se de um monitor que não é em segunda mão, mas sim em terceira mão, além do que bastante viajado, pois que veio de Lisboa para o Algarve.

Claro que vou aproveitar o comentário do Arame Farpado, que me fez o favor de enviar a definição mais pormenorizada do que a que tenho no xorg.conf, mas por vezes fico como um colega nos EUA, com o qual já troquei correspondência, quero que as coisas funcionem sem ter que ter uma trabalheira imensa. A minha área está mais virada para o cérebro, apesar de já ter feito uns quantos programinhas, neste momento não me sinto assim com muita vontade em meter-me por áreas em que demoraria imenso tempo a programar.
Postar um comentário