Páginas

Follow by Email

sábado, 26 de maio de 2007

Novo Aeoroporto de Lisboa


Sabe-se, ouve-se e existem notícias, relatórios sobre a localização do novo aeroporto de Lisboa. Na verdade o Aeoroporto de Lisboa está quase no seu limite, porém a Ota que sempre serviu como uma das bases Base da Força Aérea, mas por ter uma base da Força Aérea não significa que seja o local ideal para um aeroporto civil.

Os relatórios sucedem-se, com chumbos consecutivos, e talvez os únicos que dizem que é melhor estudar a fauna e a flora da margem sul, sejam os defensores do ambiente, que acham que um aeroporto iria trazer mais poluição à margem sul.

Um aeoroporto na margem sul do Tejo, além de levar muito menos tempo a realizar, tem à partida infra-estruturas rodoviárias já implantadas, a linha férrea já lá está, e se for preciso implementar a rede elétrica na via férrea na zona do Poceirão, o investimento público é capaz de ser bem menor do que o brutal investimento público que terá quer ser feito na zona da Ota.

Além disso, penso que os próprios portugueses deveriam ter uma palavra a dizer, não só os governantes que podem decidir. Se para construir a Ota vamos penhorar o desenvolvimento económico de um país inteiro, obrigando na prática, a que a malta que trabalha para o Estado, continue com os mesmo vencimentos de há 6 anos atrás, então é melhor pensar duas vezes, sobre construir ou não o dito aeroporto.

Um aeroporto na margem sul do Tejo vai trazer desenvolvimento a toda a área Sul do País, pois que o País não é só Lisboa e Porto, sendo o resto uma paisagem para os turistas ver.

Postar um comentário